Eu descansei em Deus!

Essa semana que se passou foi atípica para mim. O meu filho de apenas três anos ficou muito doente, com uma seria infecção na garganta, com...

Essa semana que se passou foi atípica para mim. O meu filho de apenas três anos ficou muito doente, com uma seria infecção na garganta, com febre que não cedia, sem se alimentar e mal conseguindo beber água.

Meu marido o levou para uma consulta no Hospital das Clínicas  na cidade vizinha, e eu não fui junto, pois nossa filha mais velha estava na escola e tinha que buscá-lá mais tarde. Fiquei em casa aguardando eles voltarem da consulta, pensando que logo voltariam, talvez somente trocando a receita do antibiótico. Mas eles não voltaram.

Meu marido ligou e disse que nosso filho passaria aquela noite internado para ser medicado e receber hidratação. Meu coração ficou apertado, afinal ele é o meu bebezão e eu não estava junto dele.

E o que seria somente uma noite viraram três. Meu marido com nosso filho em outra cidade, e eu e nossa filha em casa.

A princípio fiquei muito aflita e angustiada, pois foi uma situação que nunca havíamos passado, e para piorar acabou a bateria do celular do meu esposo e o telefone público de lá não funcionava, então ficamos com a comunicação limitada a uma ou duas ligações por dia, graças a boa vontade do hospital ou de algum desconhecido, e isso para mim é muito pouco, já que sou uma mãe coruja e queria ficar sabendo de notícias do meu filho a todo momento.

Mas não foi somente essa experiência de ter um filho doente e internado longe e sem poder vê-lo que vivi, nisso aprendi a lançar as minhas aflições e ansiedade em Deus e Ele colocou em mim a Paz que excede qualquer entendimento humano, que nem eu mesma consegui compreender, de como estava bem apesar da doença inesperada do meu filho e do turbilhão de pressões e incertezas que estamos vivendo.

Como Deus é bom, e como é bom aprender a esperar n'Ele, e a descansar sabendo que tudo está no seu controle.

Já vivemos, em outros tempos, muitos momentos de aflições, doenças e incertezas, que admito, falhei em confiar em Deus e me rendi a ansiedade, ao desespero e medo, e posso dizer com conhecimento de causa, que em nada ajudou a 'pré ocupação' com as coisas, só me fez ficar com os olhos baços sem poder ver o que o Senhor queria para mim e que Ele nunca nos desamparou. (Só consegui enxergar depois.)

Ah, mas dessa vez foi diferente, e eu sei que esse meu descansar e confiar em Deus não foi com as minhas próprias forças e muito menos por merecimento, mas Ele colocou em mim para poder desfrutar dessa incrível e maravilhosa Paz que Ele tem para dar a todos que n'Ele esperam e que lançam a sua ansiedade n'Ele através de uma oração sincera! E não para por aí, com isso nossa fé é fortalecida tudo para o Nome de Jesus ser exaltado e glorificado através das nossas vidas!

Soli deo Glória.

"Humilhai-vos, portanto, sob a poderosa mão de Deus, para que ele, em tempo oportuno, vos exalte, lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós." (1Pedro 5.6-7)


 "E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus." (Filipenses 4.7)



Por Grá Carol Donadeli

Postagens Relacionadas

0 comentários