Apenas uma caneta nas mãos do Senhor.

Não pense que é fácil escrever. Antes de qualquer palavra ser escrita, tudo o que Deus fala em meu coração serve para eu mesma. S...

Não pense que é fácil escrever.

Antes de qualquer palavra ser escrita, tudo o que Deus fala em meu coração serve para eu mesma.

Se escrevo sobre viver em santidade, eu sou a primeira a olhar para minha condição e vejo como sou falha, pecadora e que tenho que buscar santidade em Deus...

Se escrevo algo sobre arrogância, eu para e penso sobre o meu lado arrogante que tantas vezes quer se sobrepor sobre as pessoas, e que preciso constantemente me humilhar na presença do Senhor e ver que não sou nada nem melhor do que ninguém...

Se escrevo sobre buscar a Deus em primeiro lugar, me lembro de quantas vezes esqueci Dele, e fui querer buscar outras coisas na força do meu próprio braço...

Se escrevo sobre ego, sobre diminuir pois Cristo que tem que aparecer, Deus está me colocando de volta do meu devido lugar, lugar de serva para somente Cristo ser visto na minha vida e nisso eu me alegrar...

Antes de ser para vocês meus caros leitores, para vocês refletirem, a Palavra de Deus passa por mim, por essa mulher pecadora, porém que já foi redimida e lavada pelo sangue de Jesus, que está e precisa a cada dia mais ser moldada para a Glória de Deus.


"Se alguém escreve um grande poema, 
as pessoas não vão ficar aplaudindo a caneta: 
"Oh que grande caneta!"
Eu sou uma caneta nas mãos do Senhor."
(Keith Green) 


"Porque dele, e por meio dele, e para ele são todas as coisas. 
A ele, pois, a glória eternamente. Amém!" (Romanos 11.36)



Por Grá Carol Donadeli

Postagens Relacionadas

0 comentários