Caixa de gratidão.

Tenho uma caixa de lembranças, onde guardo recordações, cartinhas da época de namoro que trocava com meu agora esposo, desenhos feito...



Tenho uma caixa de lembranças, onde guardo recordações, cartinhas da época de namoro que trocava com meu agora esposo, desenhos feito por sobrinhos e por meus filhos, cartões recebidos de amigos, felicitações, boas memórias, gratidões...

Já comecei a segunda caixa de lembranças, pois a primeira já está lotada, e as vezes me pego olhando, relembrando coisas do passado, momentos felizes, surpresas boas, bilhetinhos simples e inesperados que me tiraram sorrisos.

Na vida passamos por muitas situações, algumas que nos trazem felicidades e boas recordações, outras que nos trazem sentimentos tristes de momentos ruins.

Nem tudo o que passamos são momentos que gostamos de relembrar. Feridas, culpas, erros,  para estes momentos nem devemos ter uma caixa para os guardar, mas guardar somente o que podemos aprender com o que de ruim nos aconteceu.

Mas os momentos bons, ahhhh... esses devemos sempre guardá-los numa linda e grande caixa ou caixas de gratidão. 

Gratidão a Deus por Ele sempre estar presente em nossas vidas, nos sustentando e amparando. 

Gratidão a Deus pela família e pessoas que Ele coloca em nossa vida, amigos mais chegados que irmãos, que nos estendem a mão quando precisamos e que ajudam a carregar nosso fardo.

Gratidão a Deus pela Nova Vida que temos em Cristo Jesus, nosso Salvador.

Nossa caixa de gratidão tem que ser aberta com muita frequência, para não cairmos na murmuração mas sim para sempre trazermos à memória Cristo que nos dá esperança, esperança que o melhor ainda está por vir, quando estaremos eternamente com o Soberano Deus.

Que Deus nos dê um coração grato pelas suas misericórdias sem fim.

Em amor fraternal.

Grácia Donadeli

Postagens Relacionadas

0 comentários