Sexta feira negra!

"Está consumado!" Ele bradou, a terra tremeu, o véu no Santo dos Santos Santos se rasgou de alto a baixo e os céus se escur...



"Está consumado!" Ele bradou, a terra tremeu, o véu no Santo dos Santos Santos se rasgou de alto a baixo e os céus se escureceram.

Aquela sexta feira ficou negra como a escuridão dos nossos pecados que pairaram sobre Jesus pendurado na cruz.

A nossa dívida foi paga com o precioso sangue de Cristo.

O seu sangue vertido no madeiro trouxe a reconciliação entre nós e o Pai.

Quão magnífica e quão terrível e assombrosa foi a morte de Jesus, pois sobre Ele ficaram todos os nossos pecados, os mais hediondos pecados, que até o próprio Deus o abandonou na cruz, pois a santidade do Senhor não habita onde há pecado.

Ele escolheu se fazer maldição por nós para que não continuássemos malditos.

Foi consumado o pagamento por nossos pecados, mas ainda Ele iria nos dar Vida Eterna ao terceiro dia.

Aquela sexta feira não foi o fim, mas sim um novo começo para o reinado de Cristo e para nós, seus servos.

Bendito seja Deus por tão inexplicável amor. Amor selado com o sangue de Cristo.

Louvado seja o nome do Senhor!

Grácia Donadeli

Postagens Relacionadas

0 comentários